Centro Tecnológico
  • Reunião realizada no dia 8 de novembro discutiu melhorias relacionadas à graduação.

    Publicado em 13/11/2017 às 13:52

    No dia 8 de novembro de 2017, reuniram-se os coordenadores de cursos de Graduação, os professores Cancian, Mariani, Pacheco, Dhebora, Mirna, Luciana e Hector, para uma primeira conversa sobre 3 assuntos principais, sendo eles:

    • A abertura de vagas para transferências internas e externas.

    O prof. Mariani relatou a decisão de acolhimento favorável, pela Câmara de Graduação, dos pedidos de aberturas de vagas solicitadas pelos cursos de Automação, Computação e Eng. Mecânica, mesmo com índice NVD negativo (sem vagas totais). Neste caso, os cursos estão encaminhando vagas somente para as fases mais adiantadas do curso.  Os respectivos editais já foram publicados na página do DAE (http://dae.ufsc.br) em 2017.2 e servem de modelos.

    • A  institucionalização do ambiente Moodle, como ferramenta de apoio pedagógico de modo a permitir extração de dados (como registros de presenças)

    Os professores Mariani e Peters justificaram a necessidade da institucionalização do Moodle, que é usado a mais de 10 anos na UFSC, mas que não está registrado em nenhum documento oficial. Assim, poderia ser questionada a validade dos dados lá lançados. Além disso, uma vez institucionalizado, as coordenações poderiam acompanhar, por exemplo, a frequência online dos estudantes e agir preventivamente, se for o caso.

    • O calendário acadêmico, especialmente na questão de matrículas, de calouros e veteranos:

    O prof. Daniel Martins apresentou resumo da proposta apresentada pela comissão da câmara de graduação de 2016 (profs. Olinto, Daniel, Felício, etc) sobre as chamadas de vestibular, a qual está para ser apreciada pelo CUn. Nesta documento foi proposto que nas três primeiras chamadas sejam seguidas as classificações nas 8 modalidades estabelecidas pela Política de Ações Afirmativas (PAA), e após estas seja gerada uma classificação única. Desta forma pode-se agilizar as chamadas (não teria mais validações de renda, por exemplo) e pode-se informar os candidatos sobre sua classificação na lista de espera.

    Para melhorar o processo de matrícula, em breve será feita uma reunião com os Centros Acadêmicos do CTC para ouvir as sugestões e necessidades.

     


  • Data das defesas dos Memoriais de Atividades Acadêmicas já foram definidas.

    Publicado em 13/11/2017 às 11:22

    As datas para a defesa do MAA – Memoriais de Atividades Acadêmicas dos professores candidatos a titulares estão marcadas para os dias 16 e 17 de novembro de 2017.

    O Local das defesas será o auditório da FEESC, 2º piso do prédio onde fica a direção de centro.

    Docentes Data Horário
    Reunião Comissão Avaliadora e Secretaria 16/11/2017 8:00-08:30
    Aldo Von Wangenheim 16/11/2017 8:30-10:00
    Ricardo Pereira e Silva 16/11/2017 10:00-11:30
    Antonio Sergio Coelho 16/11/2017 13:30-15:00
    Leila Amaral Gontijo 16/11/2017 15:00-16:30
    Mauro Roisenberg 16/11/2017 16:30-18:00

     

    Antonio Augusto Medeiros Frohlich 17/11/2017 8:00-09:30
    Paulo Jose de Freitas Filho 17/11/2017 09:30-11:00
    Divulgação Resultados: 17/11/2017 11.30-12:00

    Para mais informações sobre o cronograma: http://portal.ctc.ufsc.br/relacao-de-candidatos/2017-2/


  • Conheça os projetos extracurriculares realizados no CTC pelo Professor Hector Bessa Silveira, do Departamento de Automação e Sistemas.

    Publicado em 13/11/2017 às 11:13

    O Prof. Hector Bessa Silveira (Departamento de Automação e Sistemas) ofereceu no dia 21 de outubro o minicurso “Introdução aos Fundamentos Matemáticos em Engenharia” para estudantes de graduação do CTC. O minicurso foi organizado pelo PET-ELL com duração de 4 horas/aula. Os assuntos abordados foram:

     

    • Lógica e demonstração matemática: proposições, conectivos, quantificadores, demonstração direta, demonstração por contradição e demonstração por indução.
    • Aplicações: números reais, álgebra e cálculo.

    Devido à avaliação positiva do mini curso pelos participantes, o ministrante idealiza para o próximo ano oferecer um curso de maior profundidade e abrangência para potencializar o aprimoramento técnico dos estudantes de graduação e pós-graduação do CTC. Estudantes de graduação do CTC de qualquer fase poderão participar.

    O curso terá 8 semanas de duração com 4 horas/aula por semana, e oferecido já no início do semestre para facilitar a integração com as demais atividades acadêmicas dos participantes. O objetivo do curso é que os participantes tenham mais facilidade e domínio em conteúdos de cálculo, álgebra linear, física, disciplinas profissionalizantes, raciocínio científico e pesquisas avançadas. Todo o curso estará contextualizado com a formação dos estudantes do CTC.

    Outra iniciativa do Prof. Hector, que acontece desde a primeira semana deste semestre, é um programa gratuito de práticas de Atenção Plena (Mindfulness) para estudantes de graduação e pós-graduação do CTC.

    O programa se chama #EngenhariaConcentraçãoAnsiedade, e  vem apresentado gradualmente diversas práticas de Atenção Plena em encontros semanais de 50 minutos de duração numa sala de aula do CTC, e finaliza com o término deste semestre.

    Os participantes vêm relatando maior estabilidade da concentração e menor ansiedade nos momentos de estudo, realização de provas, sala de aula e demais atividades acadêmicas. A ideia para o próximo ano é oferecer novas turmas aos estudantes de graduação e pós-graduação do CTC.

    O ministrante atua desde o primeiro semestre de 2015 como voluntário do Projeto Amanhecer do Hospital Universitário da UFSC, oferecendo a prática “Aprimoramento da Concentração e Redução da Ansiedade Através da Atenção Plena” para duas turmas de participantes.

    O programa #EngenhariaConcentraçãoAnsiedade conta com o apoio de:

    – Projeto Amanhecer – HU

    –  Santa Barbara Institute for Consciousness Studi


  • Professor Ricardo Rüther da Engenharia Civil, recebe placa com Moção de Aplauso da Assembléia Legislativa de Santa Catarina.

    Publicado em 13/11/2017 às 10:29

     

    O Prof. Ricardo Rüther, do Departamento de Engenharia Civil, do Centro Tecnológico da Universidade Federal de Santa Catarina, recebeu no dia 09 de novembro de 2017, uma Moção de Aplauso por parte da Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina (ALESC) pela relevância de suas pesquisas e contribuições nas áreas de geração solar fotovoltaica, solarimetria, armazenamento de energia e veículos elétricos.

    A placa com a Moção de Aplauso foi entregue pelo Deputado Estadual Dirceu Dresch durante o evento “Sustentar 2017” que foi realizado nos dias 8 a 10 de novembro de 2017 na ALESC.

    O Sustentar 2017 – Fórum de energias renováveis. Consumo responsável. Cidades Inteligentes. foi um evento realizado pela ALESC e pela Comissão de Economia, Ciências, Tecnologia, Minas e Energia. o Sustentar 2017 teve o apoio do Instituto Ideal, Sebrae, Associação Brasileira de Energia Fotovoltaica (Absolar), Associação Brasileira de Energia Distribuída (ABDG), Fundação Científica e Tecnológica em Energias Renováveis (FCTER)  e do Grupo de Pesquisa Estratégica em Energia Solar da Universidade Federal de Santa Catarina (Fotovoltaica/UFSC).

    Em sua sexta edição, o evento contou com palestras de mais de 30 palestrantes do Brasil e do exterior, workshop, oficina para gestores públicos, passeio com o ônibus movido por energia solar (UFSC/WEG) e visitas técnicas a projetos de fomento e de geração de energia sustentável, como a Usina Solar Cidade Azul Engie, em Tubarão.

     


  • Ônibus elétrico da UFSC completará distância equivalente à uma volta inteira na terra.

    Publicado em 10/11/2017 às 14:57

    Em novembro de 2017 o ônibus elétrico alimentado por energia solar da UFSC completa 40.000 km rodados (distância equivalente a uma volta inteira na Terra), após oito meses de operação regular.
    Inaugurado em dezembro de 2016, o Ônibus Elétrico Alimentado por Energia Solar da UFSC iniciou o serviço regular de transporte entre o Campus Central da UFSC e o Sapiens Parque em março de 2017. O ônibus – que é parte de um projeto denominado deslocamento produtivo com veículos elétricos alimentados por energia solar fotovoltaica – é um ambiente de trabalho, com poltronas confortáveis (somente transporta passageiros sentados), duas mesas de reunião, tomadas 220V e USB, wi-fi e ar-condicionado.

    O veículo elétrico realiza cinco viagens por dia (52 km por viagem do Sapiens Parque à UFSC e retorno, cerca de 5.000 km/mês), prestando serviços gratuitos para a comunidade UFSC, totalmente alimentado pela eletricidade solar gerada nas coberturas do Centro de Pesquisa e Capacitação em Energia Solar da UFSC (www.fotovoltaica.ufsc.br), no Sapiens Parque, no norte da ilha de Florianópolis.
    O projeto, coordenado pelo Prof. Ricardo Rüther da UFSC, contou com financiamento de um milhão de reais pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI, atual MCTIC) e conta com a parceria das empresas WEG, Marcopolo, Mercedes e Eletra.


  • Acadêmica da UFSC tem artigo premiado em congresso

    Publicado em 10/11/2017 às 14:40

    A acadêmica Maria Carolina Bastiani, do curso de Engenharia Sanitária e Ambiental da UFSC, foi premiada com o segundo lugar na classe artigos completos no III Congresso Nacional do Projeto Rondon, realizado nas dependências da Universidade de Brasília (UnB) no período de 25 a 27 de outubro de 2017.

    O artigo “Banheiro Seco como uma ferramenta educativa – Aplicação no Colégio Agropecuário de Natividade em Tocantins”, relata uma das ações de grande sucesso realizada durante a Operação Tocantins do Projeto Rondon em janeiro de 2017, na cidade de Natividade (TO). A acadêmica foi contemplada com um certificado de premiação, uma medalha referente aos 50 anos do Projeto Rondon, um prêmio em dinheiro e a publicação do artigo em um número especial da revista “ParticipAção”, revista de Extensão da UnB.

    Coube ao professor Edmilson Rampazzo Klen (Departamento de Expressão Gráfica – EGR), coautor do artigo e coordenador do grupo UFSC na Operação Tocantins, receber a premiação.

    Mais informações sobre o projeto e as atuações da UFSC podem ser obtidas pelo site do Projeto Rondon na instituição.

    Fonte: http://noticias.ufsc.br/2017/11/academica-da-ufsc-tem-artigo-premiado-em-congresso/


  • Campanha ”Semana sem copo”

    Publicado em 06/11/2017 às 16:05

    Os alunos do curso de Engenharia Sanitária e Ambiental em parceria com duas entidades do Curso, o Centro Acadêmico Livre (CALESA) e a Empresa Júnior (EJESAM) organizaram a Campanha: Semana Sem Copo. A campanha tem como objetivo sensibilizar os alunos, servidores e demais funcionários do CTC sobre a problemática dos copos descartáveis. Com apoio da Direção do Centro Tecnológico, Gestão Ambiental e das duas lanchonetes do Centro os alunos vem realizando algumas ações nas quatro semanas de duração da Campanha:

    • Colocação de cortinas feitas com copos recolhidos nos setores da UFSC e lanchonetes;
    • Divulgação durante os intervalos nas lanchonetes do Centro;
    • Criação de vídeo e outros materiais para divulgação nas mídias;
    • Divulgação da quantidade de copos utilizados semanalmente nas lanchonetes.                                                                                                                                                                                                        

    E na última semana da Campanha o convite é claro: vamos fazer uma semana sem copos descartáveis?      Entre o dia 13 a 19 de novembro a Campanha convida você a utilizar canecas, garrafas ou copos reutilizáveis! Os alunos acreditam que se a pessoa conseguir ficar uma semana sem usar um copo descartável perceberá como é simples substituí-lo e que logo vira um hábito!

    Para quem quiser conhecer mais sobre a Campanha é só acessar o evento: https://goo.gl/v96XwW

    E aproveitem para confirmar presença e aceitar o desafio!


  • Melhor Trabalho de Conclusão de Curso – CBIE 2017 – Ciências da Computação.

    Publicado em 03/11/2017 às 13:44

    O TCC intitulado “Desenvolvimento de uma Unidade Instrucional Interdisciplinar para Ensinar Computação no Ensino Fundamental” da Nathalia da Cruz Alves, orientado pela Profa. Christiane Gresse von Wangenheim realizado no Curso de Ciências da Computação/INE/UFSC foi premiado em primeiro lugar (Melhor Trabalho de Conclusão de Curso) no Concurso Alexandre Direne de Teses, Dissertações e TCCs em Informática na Educação no Congresso Brasileiro de Informática na Educação 2017.

    O trabalho faz parte da pesquisa do GQS/INCoD na iniciativa Computação na Escola. A unidade instrucional desenvolvida nesse trabalho está disponível online.

    Fonte: http://ine.ufsc.br/2017/11/02/melhor-trabalho-de-conclusao-de-curso-cbie-2017/

     


  • Instituto de Soldagem e Mecatrônica da UFSC é classificado em prêmio de inovação

    Publicado em 31/10/2017 às 13:38

    O Instituto de Soldagem e Mecatrônica (Labsolda) da UFSC foi classificado na 7ª edição do Prêmio Stemmer Inovação Catarinense, promovida pela Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc). Criada em 2008 pela Lei Catarinense de Inovação, a premiação leva o nome do ex-reitor da UFSC, Caspar Erich Stemmer, e visa reconhecer, com troféus, certificados e valores financeiros, ações inovadoras de instituições, empresas e pessoas consideradas ‘protagonistas da inovação’. Formado por pesquisadores do Departamento de Engenharia Mecânica, com três inovações, o Labsolda foi finalista na categoria ‘Instituição de Ciência, Tecnologia e Inovação’.

    A primeira é um sistema automatizado para soldagem de revestimento de componentes de caldeiras e geometrias associadas. “O sistema teve seu desenvolvimento voltado ao enfrentamento do fenômeno de desgaste que ocorre no interior das caldeiras de usinas termelétricas. Neste contexto, a proteção dos componentes por meio da aplicação de uma liga metálica especial, via soldagem, é importante para que não ocorram perfurações ou rupturas, falhas que fatalmente impedem o funcionamento do sistema de geração de energia como um todo” explica o Engenheiro João Facco de Andrade, gerente de projetos no Labsolda.

    A segunda inovação trata de técnicas avançadas para produção de vídeos em alta velocidade aplicados em análises de processos industriais e pesquisas científicas. “As técnicas envolvem a aplicação de conhecimentos avançados em ótica, eletrônica e informática para produzir, processar e analisar imagens sincronizadas com dados quantitativos em uma frequência de até 20.000 quadros por segundo. Além disso, é empregado um sistema de iluminação laser infravermelho invisível ao olho humano, mas ainda assim capaz de sensibilizar o sensor da câmera. Dessa forma, o cenário permanece iluminado apenas pelo sistema laser, independente das condições de luz ambiente. A técnica está sendo aplicada na análise técnico-científica de fenômenos extremos que ocorrem muito rapidamente, em escala reduzida e com grande variação na intensidade luminosa como no caso dos processos soldagem”, disse Marcelo Pompermaier Okuyama, produtor multimídia no Labsolda.

    E a terceira inovação consiste em um sistema para soldagem automatizada, TIG Orbital de tubos de pequeno diâmetro. “É capaz de realizar o processo de união em tubos de paredes finas, com controle eletrônico computadorizado. O equipamento pode ser aplicado em diferentes segmentos da indústria, por exemplo: química, petróleo e gás, alimentos, assim como para a construção de equipamentos e estruturas variadas. Os principais benefícios para o setor são o grande aumento da produtividade e qualidade das juntas executadas automaticamente. O controle eletrônico por software permite total possibilidade de customização, além de possibilidades de registro e tratamento eletrônico dos dados de cada soldagem, tornando o sistema apto para integração com ferramentas de Indústria 4.0 aplicadas para melhoria da produtividade e qualidade”, afirma o professor Régis Henrique Gonçalves e Silva, supervisor geral e diretor de pesquisa e desenvolvimento no Labsolda.

    Fonte: http://noticias.ufsc.br/2017/10/instituto-de-soldagem-e-mecatronica-da-ufsc-e-classificado-em-premio-de-inovacao/


  • Escola visita cursos e projetos da UFSC.

    Publicado em 30/10/2017 às 16:49

    O Centro Tecnológico tem ajudado a acolher alunos visitantes de ensino médio de escolas do Sul do Estado de Santa Catarina. Estas visitas tem ocorrido nos 2ºs semestres, e são de grande importância para estreitar o contato com a Universidade. Muitos destes alunos visitantes se tornam graduandos dos cursos da UFSC.

    Neste ano, acolhemos os Colégios Extensão X/Araranguá, Murialdo/Araranguá, Monsenhor Agenor Neves Marques/Urussanga, dentre outros.

    No dia 30 de outubro, ajudamos a acolher os alunos do Colégio profissionalizante Cedup – Abílio Paulo, de Criciúma.

    Os locais visitados foram:

    •  Projeto Fórmula no bloco B de Engenharia Mecânica, acolhidos pelo Acadêmico Lucas Schroeder, capitão da equipe;  – 
    •   LabCET – Laboratório de Combustão e Engenharia de Sistemas Térmicos acolhidos pelo Técnico Gilson Nunes Maia;
    • Curso de Engenharia Química e Alimentos acolhidos pelo prof. Marcelo Lanza, coordenador de curso;
    • Curso de Engenharia Civil acolhidos pelo Mestrando Andre, Técnicos Luiz e Renato do Laboratório de Materiais de Construção Civil;
    • Curso de Arquitetura acolhidos pelo Técnico Saulo e Acadêmico Jonatan;
    • Curso de Odontologia acolhidos pela profa. Ana Maria Hecke Alves, sub-coordenadora de curso;

    Agradecemos à todos os coordenadores e sub-coordenadores de cursos, técnicos e alunos de cada curso que tem acolhido os visitantes.

    A partir de 2018 vamos procurar organizar estas visitas em uma mesma semana, e direcionar algumas para a semana da SEPEX, onde sempre temos um ótima vitrine da UFSC.