Mestranda da UFSC é premiada em evento internacional

11/10/2019 08:59

Letícia Silva De Bortoli, mestrando do programa de Programa de Pós-Graduação em Ciência e Engenharia de Materiais (PGMat) e egressa do do curso de Engenharia de Materiais da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC),  foi premiada duas vezes durante o XVIII Brazil Materials Research Society Meeting (Encontro da Sociedade Brasileira de Pesquisa de Materiais), realizado de 22 a 26 de setembro, em Balneário Camboriú. Letícia foi agraciado com o prêmio Bernard Gross Award pelo melhor pôster do simpósio em que participou (Manufatura Aditiva) e foi escolhida pela ACS Publications por apresentar um dos cinco melhores pôsteres do evento.

 

Matéria Noticias.ufsc

Mestranda da UFSC é premiada em evento internacional por pesquisa sobre biodegradáveis para impressão 3D

 

GESAD completa 15 anos de trajetória

08/10/2019 08:48

O Grupo de Estudos em Saneamento Descentralizado (Gesad) da UFSC comemorou nesta sexta-feira, 4 de outubro, o seu aniversário de 15 anos. O momento reuniu membros do grupo, alunos de graduação e de pós-graduação, professores e dirigentes do Departamento de Engenharia Sanitária e Ambiental, orgulhosos pela trajetória na busca pelo saneamento acessível e de qualidade para todos.

O Gesad foi idealizado no ano de 2004 pelo professor Luiz Sérgio Philippi e, atualmente, é supervisionado pelo professor Pablo Heleno Sezerino. Com o objetivo de disseminar o conhecimento e as experiências relativas aos diferentes sistemas descentralizados de tratamento de esgoto, com o foco principal na ecotecnologia dos Wetlands Construídos, o grupo contribui na formação de graduandos por meio de ações de pesquisa e extensão, bem como de pós-graduandos em níveis de mestrado, doutorado e pós-doutorado. E, recentemente, atua na gestão do saneamento, notadamente relacionado à dimensão esgotamento sanitário

Matéria completa você encontra:

Grupo de Estudos em Saneamento Descentralizado comemora trajetória de 15 anos

Startup de Ex-alunos da UFSC é primeira startup em parceira de projeto de pesquisa com a Petrobrás

03/10/2019 08:35

Fundada em 2017 por três ex-alunos do laboratório de pesquisa em Ciências da Computação e tornou neste ano a primeira startup parceira em projeto de pesquisa para a Petrobrás. Resultados como esse refletem o trabalho que vem sendo feito pelo ecossistema catarinense de tecnologia e inovação na construção de ambientes cada vez mais favoráveis ao desenvolvimento de empresas. Desde de junho, a startup catarinense Ltrace, que desenvolve soluções para análise de dados para a indústria de petróleo e gás, está em contrato com o Centro de Pesquisas da Petrobras (Cenpes) desenvolvendo a parceria.

A matéria completa você encontra aqui:

https://www.nsctotal.com.br/noticias/incubada-do-miditec-e-a-primeira-startup-parceira-em-projeto-de-pesquisa-com-a-petrobras

Site da Startup

home

Prof. Ricardo Rüther é premiado pela International Solar Energy Society

02/10/2019 09:24

O Prof. Ricardo Rüther (Departamento de Engenharia Civil – Centro Tecnológico), coordenador do Laboratório Fotovoltaica-UFSC (www.fotovoltaica.ufsc.br), acaba de ser premiado pela International Solar Energy Society (ISES) em seu ISES Awards 2019:

https://www.ises.org/news/ises-awards-2019-winners-announced
Desde 1975, a cada dois anos, a International Solar Energy Society homenageia aqueles que fizeram conquistas e contribuições significativas para o avanço das aplicações e uso de energia solar.

O Prof. Rüther conquistou o prêmio ISES Achievement Through Action: Este prêmio homenageia importantes contribuições ao aproveitamento da energia solar para uso prático ou a um novo conceito, desenvolvimento ou produto na área de energia solar.

O prêmio será entregue em Santiago – Chile, no dia 6 de novembro, durante o Solar World Congress 2019 (https://swc2019.org).

‘O que fazer quando encontrar um animal na UFSC?’: Gestão Ambiental divulga cartilha com orientações

27/09/2019 12:48

Na Universidade há muitas variedades de animais, tais como: cães, gatos, joões-de-barro, quero-queros, pombos, corujas, tapicurus (ou tapirucus), bugios, saguis, gambás, capivaras, morcegos, ratos, jacarés, serpentes, lagartos, moscas, abelhas, vespas, formigas, cupinzeiros, baratas, aranhas e escorpiões. Para quem já esteve em uma situação em que não sabia o que fazer com um animal específico, ou quer estar preparado para quando precisar, a Coordenadoria de Gestão Ambiental criou uma cartilha para orientar a comunidade sobre quais procedimentos serem realizados em caso de ocorrência de animais na UFSC

Post completo e cartilha você encontra no Link

‘O que fazer quando encontrar um animal na UFSC?’: Gestão Ambiental divulga cartilha

Petrobras avalia a Feesc como a melhor fundação de apoio do país em práticas administrativas

23/08/2019 10:19

A Fundação Stemmer para Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (Feesc) foi classificada pela Petrobras como a melhor fundação de apoio do Brasil em boas práticas administrativas. O ranking foi apresentado nesta tarde de quarta-feira, 21, durante o Workshop Parcerias Petrobras, promovido no Rio de Janeiro pelo Centro de Pesquisas da estatal. O evento é voltado a pesquisadores de instituições científicas, tecnológicas e de inovação de todo o país.

O ranking levou em conta o desempenho das fundações de apoio nos indicadores “Quantidade de Pendências”, “Valor das Pendências”, “Atraso nas Respostas”, “Atraso nas Prestações de Contas” e “Atraso na Devolução do Saldo”. Nos dois primeiros itens, a Feesc apresentou a melhor resposta e nos demais ficou entre as seis melhores entre todas as instituições avaliadas. O ranking é inédito e pela primeira vez realizado pela Petrobras junto às fundações de apoio parceiras no desenvolvimento de trabalhos. Por conta da Lei nº 9.478/1997, a Petrobras é obrigada a fazer investimentos em projetos de pesquisa, desenvolvimento e inovação.

“Receber este reconhecimento por parte de um financiador de projetos tão importante como a Petrobras, e em âmbito nacional, mostra que estamos no caminho certo”, comemorou o presidente da Feesc, Raul Valentim da Silva.

O Workshop Parcerias Petrobras começou na quarta-feira e prossegue esta quinta, 22. A Feesc fechou a programação do primeiro dia com uma palestra sobre “Boas Práticas na Prestação de Contas” apresentada pelo coordenador da Divisão de Prestação de Contas e Contabilidade, André Luís da Trindade (foto). Na palestra, Trindade apresentou todos os procedimentos internos da Feesc, desde a fase de pré-contratação, passando pela execução até a aprovação da prestação de contas.

Inauguração Novo Layout e Infraestrutura – LABSOLDA

13/08/2019 10:31

A inauguração de uma nova ala do Instituto de Soldagem e Mecatrônica (LABSOLDA) na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), dia 8 de agosto, não só ampliou sua área para 816 metros quadrados, mas também abriu caminho para mais pesquisas sobre processos de soldagem que garantam a segurança no transporte de gás, petróleo e derivados, entre outros objetivos. O professor Régis Henrique Gonçalves e Silva, Supervisor do LABSOLDA, afirmou que não são só tecnológicas e sim sócio-econômicas as contribuições do Instituto vinculado ao Departamento de Engenharia Mecânica da UFSC. “Um problema crescente no nosso país hoje é a vandalização de tubos para roubar hidrocarbonetos. Existe um esforço muito grande para se reparar esses dutos o mais rapidamente possível, com a maior segurança possível. Os nossos projetos novos vão colaborar para sanar esse tipo de problema”, explicou.

A Reitoria da UFSC foi representada pelo Pró-Reitor de Pesquisa, Sebastião Roberto Soares, também estiveram no evento o ex-reitor Rodolfo Pinto da Luz, o Diretor do Centro Tecnológico, Edson Roberto de Pieri; o Chefe do Departamento de Engenharia Mecânica (EMC/UFSC), Sergio Gargioni; o Diretor da FEESC, Raul Valentim da Silva; o Presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina, Fábio Zabot Holthausen; o Diretor de Inovação da FIESC e o Superintendente Geral na Fundação CERTI, José Eduardo Fiates; e o Presidente do Conselho de Curadores da CERTI, Carlos Alberto Schneider, entre outras autoridades.


Presente à cerimônia, o Gerente de Tecnologia de Equipamentos, Metalurgia e Controle da Corrosão da Petrobras, Agildo Baradó Moreira, salientou que há uma “interação contínua” entre a empresa e o laboratório e que novos projetos se somarão aos dois em andamento (Soldagem em operação com GMAW, FCAW e aquecimento por indução Desenvolvimento de um Sistema Automatizado para Soldagem Circunferencial Interna em Tubos de Aço Cladeados com Liga 625). A pedido da Petrobras, em julho pesquisadores do laboratório concluíram pesquisa que resultou em novas tecnologias de soldagem que tornam mais rápido e eficiente reparou em tubos para construir tubulações de materiais não convencionais, como aços inoxidáveis.  Da investigação resultaram também teses de doutoramento, dissertações de mestrado e artigos em periódicos científicos. (Confira o projeto finalizado: Avanços no Processo TIG Aplicado à Soldagem Orbital Automática e Semi-automática de Tubulações).

Fonte: Noticias UFSC/ Com informações de Heloisa Dallanhol/EMC/UFSC.